Pesquisa eleitoral para vice de Wellington Dias exclui PMDB

A pesquisa será apenas para partidos que estiveram com Wellington na campanha de 2014, informa o presidente do PT, deputado Assis Carvalho

Por Pedro Alcântara
27/11/2017, às 01:35 - Atualizado em 27/11/2017, às 02:20

Definitivamente, os principais partidos que compõem a base de sustentação do governador Wellington Dias, PT e PROGRESSISTAS, não querem o PMDB na vice para 2018. Uma reunião na casa do governador com a presença dos presidentes desses dois partidos selou um pacto, o de que, o vice-governador de Wellington Dias, para 2018, sairá de uma pesquisa a ser realizada em janeiro. O detalhe: a pesquisa será apenas para partidos que estiveram com Wellington na campanha de 2014, informa o presidente do PT, deputado Assis Carvalho.

Reunião na casa do governador Wellington Dias entre PT e PROGRESSISTAS

AUSENTE

Para essa reunião o PMDB não foi convidado. Foi exclusiva entre PT e PROGRESSISTAS. Pelo PROGRESSISTAS estavam o presidente nacional, senador Ciro Nogueira, a vice-governadora, Margareth e o presidente estadual, deputado Júlio Arcoverde. Pelo PT, o governador, o presidente Assis Carvalho e outros.

A PESQUISA

Não foi revelado como será essa pesquisa. Qual o universo a ser pesquisado, os nomes a serem postos e a metodologia para sua aplicação. Será uma pesquisa somente entre os coligados de 2014.

ESPECÍFICA

Outra curiosidade dessa pesquisa que PT e PROGRESSISTAS mandarão fazer é: o que vai constar no caderno de perguntas, nomes de pessoas ou de legendas?

A MESMA CHAPA

O presidente estadual do PT do Piauí, deputado Assis Carvalho continua insistindo que a chapa majoritária vitoriosa de 2014 seja repetida em 2018 para o governo do Estado, tendo Wellington Dias como governador e Margareth Coelho com vice.

IMEXÍVEL

Para ele, os dois senadores também devem ser Ciro Nogueira e Regina Sousa. O presidente petista entende que podem haver outras candidaturas avulsas na coligação para senador, contudo, a cabeça com governador e vice deve ser repetida.

E O PMDB?

Nesse apontamento, o PMDB não entraria na formação do bloco majoritário principal, visto que, o partido briga pela vice que teria como indicado o deputado Temístocles Filho, atual presidente da Assembleia.

100 MIL DESEMPREGADOS

A reforma Trabalhista provocou a demissão de 100 mil empregados de sindicatos espalhados por todo o país. Essas pessoas eram pagas pela contribuição sindical compulsória tirada do salário do trabalhador sem a sua autorização.

COOPTAÇÃO

O presidente do PDT, Flávio Nogueira, tentou tirar o ex-deputado Marllos Sampaio, do PMDB. Falou com o deputado Temístocles Filho, irmão de Marllos e ouviu: “você leva ele completo, com todos os problemas que ele tem como político para resolver". Flávio coçou a cabeça e desistiu.

NOVA UNIDADE

Neste dia 7 de dezembro, a cidade de José de Freitas recebe a Unidade Educacional do SENAC. Trata-se de uma Escola Profissionalizante que terá o nome do ex-governador Freitas Neto, informa o presidente do SENAC, Valdeci Cavalcante.

SEM MORAL

O TJ de Brasília revogou a regalia do deputado que de dia era deputado e a noite presidiário. Para os desembargadores um condenado por fraude em licitação, não tem moral para atividade parlamentar, fazendo e revisando leis e ainda julgando ações do poder executivo.

SELO PRATA E OURO

O TRT/PI conquistou, pelo 2º ano consecutivo, o selo ouro pelo desempenho de seus servidores e magistrados. Já o TJ ficou com o selo prata. O TRE também ganhou ouro. No ranking do CNJ, selo diamante são exigidos 531 pontos, ouro 520 e prata 510.

RESPONDA QUEM SOUBER

A Procuradora-Geral da República, Raquel Dodge, pediu ao STF a condenação, multa e perda do mandato da presidente nacional do PT, senadora Gleise Hoffman. É costume dos petistas reagirem a esse tipo de ação com xingamentos. Dessa vez ninguém, disse nada. Porque hein?

Procuradora-Geral da República, Raquel Dodge / Foto: Exame

ADEUS PPS

O senador Cristovam Buarque vai deixar o PPS. O partido não lhe garante a legenda para disputar a presidência da República. Sábado ele se reuniu com o vice–presidente do PV, de quem recebeu convite para se filiar e ser candidato.

HOMENAGEM

A Câmara Municipal de Campo Maior instituiu o diploma do Mérito Educacional “Vereador Olímpio Castro”, numa homenagem ao Professor e ex-vereador José Olímpio Castro. Natural de Pedro II, ele foi vereador em Campo Maior e Teresina. Dirigiu também o Liceu Piauiense.

ABUSO SEXUAL

Tramita na Assembleia, projeto de lei do deputado Rubem Martins (PSB) contra o assedio sexual nos transportes coletivos e quem qualquer atividade. A ideia a boa, mas quem vai fiscalizar?

Deputado Estadual Rubem Martins (PSB)

NOTAS & NÓTULAS

- Criado no Brasil pela ex primeira-dama, Ruth Cardoso, o Bolsa Família passa a vigorar neste dia 1º de dezembro também na Itália.

- Enquanto os políticos aqui brigam, a cidade carece de uma decoração natalina. 

- Já vimos dinheiro e batom na cueca, mas, biscoito e queijo é a 1ª vez.

- Anota aí: em Brasília já tem posto vendendo gasolina aditivada por R$ 5.

- Olha aí, chegou a hora do acordo. Começa hoje a Semana da Conciliação patrocinada pelo Tribunal de Justiça do Piauí.

nossas redes sociais