PORTAL DOUGLASCORDEIRO.COM

Um "pito de graça" pode gerar uma crise na Prefeitura de Teresina

No momento em que todos os líderes partidários, movimentam-se para fortalecer suas legendas, a postura foi avaliada como inadequada por quem se sentiu atingido

Por EDITORIA DE POLÍTICA
17/10/2019, às 09:00 - Atualizado em 18/10/2019, às 11:26

Pense em um “pito”. Foi o que aconteceu na sessão desta quarta-feira (16/10), na Câmara Municipal de Teresina. A vereadora Graça Amorim, líder do prefeito Firmino Filho, pediu ao presidente Jeová Alencar que descontasse do salário dos vereadores as ausências nas sessões do parlamento.

A postura da vereadora gerou uma mal-estar na base governista, embora o recado, comenta-se nos bastidores, tenha sido para o vereador Ítalo Barros.

No momento em que todos os líderes partidários, movimentam-se para fortalecer suas legendas, a postura foi avaliada como inadequada por quem se sentiu atingido.

“É hora de agregar e não de afastar. Roupa suja se lava em casa”, disse um vereador à COLUNA PASSANDO A RÉGUA que pediu para não ser identificado.

Cogita-se inclusive a possibilidade de acionar o prefeito Firmino Filho para colocar ordem na casa e apagar este incêndio.

Já o vereador Jeová Alencar, declarou que todas as fatas são justificadas e não perdeu a oportunidade de alfinetar o Palácio da Cidade.

“A vereadora reclamou porque hoje tinha uma votação da prefeitura e quase não dava quórum para aprovar este projeto. Na realidade a base não está em sintonia”, disse Jeová.

Vereadora Graça Amorim


PASSANDO A RÉGUA

PORTAS FECHADAS

O cerco ao redor do vereador Major Paulo Roberto, expulso do SOLIDARIEDADE, está se fechando. Após ser convidado a se retirar do partido, o parlamentar até cogitou na imprensa a possibilidade de se filiar a alguma sigla da base governista, ao bater à porta dos aliados do Palácio da Cidade ouviu um sono “não”. Nos bastidores, um dos principais motivos elencados pelos partidos ligados a Firmino, para não aceitar o vereador, foi o difícil trato pessoal. No jogo do resta um político, sobrou o MDB no tabuleiro de Paulo Roberto.

NO MEIO DO CAMINHO TINHA UM PESSOA. TINHA UM PESSOA NO MEIO DO CAMINHO

Major Paulo Roberto se reuniu com Marcelo Castro na última segunda, o caminho pode ser o MDB. Caso volte ao partido do deputado Themístocles Filho o vereador se reencontrará justamente com a sua pedra de tropeço, Dr. Pessoa. Quando chegou ao SOLIDARIEDADE, Pessoa “passou o rodo” no grupo político de Major Paulo Roberto, tocou todo mundo pra fora e colocou os seus. Indignado, o parlamentar se recusou a apoiar a chapa do partido, deu no que deu, foi expulso e agora reencontrará Dr. Pessoa, desta vez, na versão paz e amor.

DE VOLTA À CÂMARA

O deputado federal Fábio Abreu anunciou o seu retorno a Câmara Federal nesta quarta. A exoneração da Secretaria de Segurança já foi publicada no Diário Oficial. O parlamentar volta ao legislativo federal após conseguir reunir o número mínimo necessário de assinaturas para participar da indicação das emendas ao orçamento federal que deverão ser concluídas ainda em outubro. Único deputado federal licenciado, Abreu deve destinar um alto percentual a ações voltadas para a Segurança Pública e Saúde. No lugar de Abreu, assume o seu substituto imediato, Coronel Rubens Torres.

ZONA FRANCA DE TERESINA

Além de indicar suas emendas ao orçamento da União, o deputado federal deve articular também na capital federal a tramitação da PEC da Zona Franca de Teresina. A Proposta de Emenda a Constituição obteve 171 assinaturas, quórum mínimo para que seja dado início a tramitação da matéria. A PEC da Zona Franca de Teresina quer criar na capital do Piauí uma área de livre comércio semelhante a que existe em Manaus, no Amazonas. Para o parlamentar, a criação de uma zona franca poderá alavancar a economia da grande Teresina e tornar a cidade um polo comercial.

PARA O PROGRESSISTAS?

Os vereadores de Teresina, R. Silva, Aluísio Sampaio e Dr. Lázaro foram flagrados ela jornalista Samantha Cavalva, conversando no estacionamento da Câmara Municipal de Teresina. Já tem até reunião marcada. Será que o martelo vai ser batido?

HABEMUS VICE

O deputado Evaldo Gomes, presidente do SOLIDARIEDADE já tem um nome para ser vice na chapa de Firmino Filho. É Deputada Federal Marina Santos. O nome tem um bom trânsito em todos os partidos e são grande as chances de emplacar a parlamentar na chapa.


FOTO DO DIA

Deputado Eduardo Bolsonaro foi líder do PSL por alguns minutos

nossas redes sociais