DER inicia operação para liberar via invadida por dunas no Piauí

A via liga a praia da Pedra do Sal a Cajueiro da Praia é o principal acesso à praia de Macapá está obstruída pelas Dunas

04 de janeiro de 2021, às 14:30 | Tarcio Cruz

O Governo do Estado anunciou no último domingo (03/01) que espera desobstruir em até 15 dias a PI-116, no litoral do Piauí. A via que liga a praia da Pedra do Sal a Cajueiro da Praia e é o principal acesso à praia de Macapá está obstruída pela areia das Dunas que avançam na região. A situação se agravou no último sábado (02/01) quando a areia cobriu completamente a via.  

Por meio do Departamento de Estradas e Rodagens (DER), o governo enviou máquinas para a PI-116, as máquinas farão a desobstrução da via, o que deve levar cerca de 15 dias, segundo o DER.

De acordo com Francisco Filho, diretor da Unidade de Conservação e Manutenção (DUCM), há uma empresa contratada para fazer o trabalho de controle do avanço da areia constantemente, mas esse trabalho não pôde ser realizado neste final de ano.

“Temos um contrato com uma empresa de locação de máquinas exclusivamente para fazer esse serviço, mas os dois proprietários estão hospitalizados com COVID-19, por isso não tiveram condições de realizar o trabalho neste final de ano. Já conseguimos outros equipamentos para fazer a desobstrução da via, permitindo o tráfego parcial de veículos”, afirmou o diretor.

Francisco acrescentou que, por conta da grande quantidade de areia que interditou a rodovia, a liberação total levará de 10 a 15 dias. 

“Vamos começar a tirar a areia amanhã, mas é muita areia, por isso irá demorar um pouco”, disse.

A Polícia Militar também está no local para controlar o tráfego, orientar os turistas e fazer o trânsito fluir.

Conclusão acontece em 15 dias