IMEPI encontra 19 postos de combustíveis com irregularidades no PI

Nas revendedoras de gás de cozinha, dos 27 estabelecimentos fiscalizados, quatro haviam irregularidades

19 de abril de 2021, às 17:30 | Tarcio Cruz

Nesta segunda-feira (19/04), o Instituto de Metrologia do Piauí apresentou, no plenarinho da Câmara Municipal de Teresina, às 11h00, os dados da fiscalização realizada nos postos de combustíveis e revendedoras de gás da capital. A ação teve como objetivo o combate às fraudes e irregularidades, defendendo a boa relação comercial.

A ação foi realizada em parceria com a CMT, por meio de um requerimento apresentado pelo vereador Dudu e subscrito pela vereadora Tanandra Sarapatinhas, no qual os parlamentares solicitaram acompanhamento e intensificação nas ações de fiscalização nos postos de combustíveis e revendedoras de gás de cozinha.

A fiscalização foi realizada entre 25 de fevereiro e 07 de abril em 51 postos de combustíveis e 20 revendedoras de gás. De acordo com o diretor do IMEPI, Maycon Danilo, uma quantidade significativa de irregularidades foram encontradas. 

Foram encontradas ao todo 19 irregularidades durante a fiscalização, em 13 delas haviam subtração de combustível do consumidor, onde o cliente não recebia no tanque a quantidade paga de combustível.

Nas revendedoras de gás de cozinha, dos 27 estabelecimentos fiscalizados, quatro havia irregularidades, onde o botijão foi encontrado com uma perda de peso acima de 350g

“A maioria das irregularidades é de subtração ao consumidor. Em ambos o consumidor paga mais do que recebe. As empresas já foram autuadas e a multa varia de R$150 a R$1,5 milhões”, disse o gestor.

Vereador Dudu


Coluna Passando a Régua

REDES SOCIAIS