Rio Poti aumenta o nível e perigo de inundação preocupa Teresina

Com um acumulado de 406 milímetros, março já é considerado um dos períodos de maiores índices de chuva dos últimos anos em Teresina. Abril segue o mesmo ritmo

Por Wesslley Sales
02/04/2019, às 15:00 - Atualizado em 02/04/2019, às 13:52

Os níves dos rios Parnaíba e Poti começam a chegar a um limite preocupante o que pode levar a alagamentos ainda mais fortes em Teresina e demais municípios banhados por suas águas. Somente nesta segunda-feira (1) choveu mais de 90 milímetros na capital, uma cota considerada das mais altas dos últimos anos. Carros e motos foram arrastados no Promorar e um idoso por pouco não perdeu a vida ao cair em um bueiro São Pedro, ambos na zona sul.

Com um acumulado de 406 milímetros, março já é considerado um dos períodos de maiores índices de chuva dos últimos anos em Teresina. Abril segue o mesmo ritmo. O problema agora são rios que alimentam o Poti e Parnaíba. A prefeitura de Teresina já está em alerta máximo para inundações, acompanhando diariamente o aumento das águas na capital.

“O Poti tá preocupando. Hoje voltou a encher numa cota acima de 7 metros, dois abaixo do nível da Avenida Marechal Castelo Branco. Hoje começou a subir e não houve influencia da cidade de Prata do Piauí, que começou a encher ontem a meia noite. O volume de água vem no momento do Rio Sambito jogou água e, nesta quarta-feira o Poti deve amanhecer bastante alto”, analisa o Secretário Municipal de Desenvolvimento Urbano, Marco Antônio Ayres.

Já o Parnaíba também tem recebido muita água vinda a partir de sua cabeceira, devendo nas próximas horas chegar a 4,05 metros, dois a menos que o nível registrado para inundações na capital. Somente nesta segunda-feira choveu em alguns pontos da cidade em torno de 90 milímetros, considerado alto para um único dia.

Rio Poti

nossas redes sociais