Homem é morto, em casa, durante assalto em José de Freitas-PI

Luciano, irmão de José Neto, morto no assalto, disse que os bandidos chegaram perguntando por dinheiro

25 de outubro de 2020, às 11:32 | Luís Silva

Três bandidos mataram a tiros por volta das 20h00 deste sábado (24 /10) durante um assalto na Localidade Luz, em José de Freitas-PI, um homem identificado como José Neto, de 42 anos, morador da pensionista Maria Luíza, viúva do ex-prefeito de José de Freitas-PI, Ari Carvalho. Zé Neto que morava com o pai Zezinho, que é caseiro da viúva Maria Luiza, morreu na hora após ser atingido com dois tiros no peito disparados pelos criminosos que fugiram em seguida.

De acordo com informações do comerciante Edilberto Félix de Andrade, os três bandidos são jovens fugiram roubando da residência um telefone celular que pertence a Luciano que é irmão de José Neto e uma televisão. O comerciante Edilberto Félix é cunhado da viúva Maria Luiza e está acompanhando o caso.

O homem identificado como Luciano conta que ele e o irmão José Neto e o pai Zezinho já estavam deitados com a porta da casa fechada, quando os bandidos chegaram arrombando a porta e perguntando pelo dinheiro e eles respondiam que não tinham, pois eram pobres e os bandidos começaram a atirar, sendo que dois tiros atingiram o seu irmão José Neto, que tem problemas mentais e que teve morte imediata no local. José Neto era aluno da APAE de José de Freitas e recebia um benefício do Governo Federal.

Luciano relatou ainda que os três criminosos chegaram a sua residência a pé e que não percebeu se eles fugiram a pé, usando moto ou carro. Conforme informação repassada a PM, durante o assalto, um dos bandidos ameaçou atirar no caseiro Zezinho e neste momento o seu filho José Neto pegou um pedaço de madeira e atingiu o bandido, que em seguida atirou em José Neto que morreu na hora. Uma equipe do SAMU ainda foi ao local, onde constatou que José Neto já havia ido a óbito.

Luciano, irmão de José Neto, morto no assalto, disse que os bandidos chegaram perguntando por dinheiro.

Local do crime


Coluna Passando a Régua

REDES SOCIAIS