Mulher grávida morre em Teresina após ser agredida pelo marido

Segundo a secretaria de Saúde do Piauí, a mulher é do Maranhão e estava internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva)

Por Ravi Marques
15/12/2019, às 16:56

Uma mulher grávida, que não teve o nome revelado, morreu na maternidade Dona Evangelina Rosa, em Teresina, após ter dado entrada com sinais de espancamento.

Segundo a secretaria de Saúde do Piauí, a mulher é do Maranhão e estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da maternidade. A suspeita é que a gestante foi agredida pelo marido.

Segundo a SESAPI, o caso será investigado pela Polícia Civil do Maranhão. 

A Secretaria de Saúde divulgou uma nota:

A Maternidade Dona Evangelina Rosa esclarece que a paciente gravida, com iniciais KSS, proveniente do Maranhão, que sofreu espancamento do marido, deu entrada em estado grave na UTI da MDER e não resistiu aos ferimentos, vindo a Óbito, apesar de todo o atendimento prestado pela equipe médica. 

O caso está sendo investigado pela polícia do estado do Maranhão.

Maternidade Dona Evangelina Rosa

nossas redes sociais