Descoberto sítio de quadrilha que roubou bancos em Campo Maior

A dupla foi presa em Inhuma, na casa de uma tia e depois levaram os policiais ao local onde o material foi encontrado

Por Plínio Castelo
10/05/2019, às 15:14 - Atualizado em 12/05/2019, às 16:07

Explosivos, veículo e rádios comunicadores foram encontrados em um sítio na Zona Rural de Valença do Piauí, na noite desta quinta-feira (09/05), onde policiais militares da Força Tática prenderam dois homens. 

Os irmãos Delson Ferreira de Moura (29) e Demilson Ferreira de Moura (26) seriam os proprietários da chácara onde aconteceu o planejamento do assalto aos bancos de Campo Maior no dia 30 de abril.

Parentes do líder do banco, o piauiense Paulo França, um dos nove mortos em confronto, a dupla confessou envolvimento com o bando e que receberiam parte do dinheiro roubado como pagamento pelo apoio. 

Eles foram presos em Inhuma, na casa de uma tia e depois levaram os policiais ao sítio onde o material foi encontrado.

Dupla presa

nossas redes sociais