Senador Elmano elogia Sérgio Moro no Senado e defende a Lava Jato

Na visão do senador piauiense, o ministro demonstrou um gesto de grandeza ao se dispor a ir espontaneamente à comissão falar aos senadores

Por Lucas Pereira
22/06/2019, às 09:00 - Atualizado em 22/06/2019, às 12:38

O senador Elmano Férrer (PODE), concedeu entrevista na manhã desta sexta-feira (21/06). Na oportunidade, o parlamentar fez uma análise da ida do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro à Comissão de Constituição e Justiça do Senado na quarta-feira (19/06).

Na visão do senador piauiense, o ministro demonstrou um gesto de grandeza ao se dispor a ir espontaneamente à comissão falar aos senadores sobre os vazamentos de supostos diálogos envolvendo membros da força tarefa da lava jato.

Ainda na avaliação de Elmano, o hoje ministro enquanto juiz atuou de forma imparcial no julgamento dos casos envolvendo políticos acusados de corrupção.

“Eu achei um gesto de grandeza em ele ir até o senado onde permaneceu durante quase nove horas em audiência pública. Ele mostrou que todos os atos dele foram isentos e imparciais, tratando a todos da mesma forma, tanto é que as pessoas sentenciadas pertencem a vários partidos, no meu entendimento ele se saiu muito bem”, afirma Elmano.

O parlamentar que também é advogado, afirma ainda que defende a Operação Lava Jato por no seu entender ser um dos fatos mais importantes da história no combate à corrupção no país.

“Eu considero a Operação Lava Jato uma revolução no Brasil e merece todo o apoio, da maior parte da população brasileira. A Lava Jato não é só o Moro, é a integração de quatro grandes instituições brasileiras”, declarou Elmano.

Senador Elmano Férrer

nossas redes sociais