João Vicente quer PTB pragmático ao lado de W. Dias e Firmino

O ex-senador, falou sobre a reestruturação do PTB e confirmou que o partido não deverá atuar nem na metade do Estado, como estratégia focará nas cidades com mais lideranças

Por Tarcio Cruz
22/04/2019, às 15:00

O ex-senador João Vicente Claudino voltou ao PTB para comandar a sigla que já foi a maior do Piauí. A palavra de ordem no retorno do empresário é “pragmatismo”. Em entrevista ao Jornal O Dia, JVC mostrou indiferença em disputar a prefeitura de Teresina e revelou que será aliado de Firmino Filho e Wellington Dias.

João Vicente falou sobre a reestruturação do PTB e confirmou que o partido não deverá atuar nem na metade do Estado, como estratégia focará nas cidades com mais lideranças. 

“O papel é ser muito pragmático, concentrarmos forças nos municípios onde pudemos ter um resultado expressivo, a legislação mudou, não permite mais coligações proporcionais. Então aquela proliferação de partidos políticos, que antes você encontrava câmaras com nove vereadores e cada um pertencia a um partido.  Não vamos nos iludir chegando como presidente de partido pensando em ter representatividade nos 224 municípios. Não temos nem a metade disso como meta. Se nós conseguirmos chegar até o final do ano organizado em 40% do estado, estaremos satisfeitos. E organizado é ter capacidade de competir, eleger prefeito, vice-prefeito e vereadores”, afirmou o empresário ao jornal.

JVC ainda deixou claro que estará ao lado de dois partidos rivais, o PT e o PSDB. 

“O nosso relacionamento sempre foi muito bom. Desde quando o Firmino foi candidato a prefeito pela primeira vez em 1996, nós votamos no Firmino, nos filiamos ao PSDB naquela época, ficamos até 2000. Então não há uma estranheza se por acaso em 2020 o PTB estiver coligado e marchando junto com o PSDB.O relacionamento pessoal (com Wellington Dias) é muito bom. Eu nunca tive problemas com o governador. As críticas que fiz o próprio governador agora está tomando uma postura diferente como gestor público, e tomando medidas para enxugar a máquina administrativa, torna-la mais eficiente para que encontre o melhor resultado. eu não posso me omitir de assuntos da sigla, independentemente do pensamento e definições pessoais. Vamos discutir institucionalmente”, disse o ex-senador.

João Vicente Claudino / Foto: GP1

nossas redes sociais