PSD filia Berger e Ananias e aumenta chapa para disputa em Teresina

O ex-vereadores trazem ao PSD a experiência de décadas na Câmara Municipal e encorpam a chapa proporcional da legenda

Por Tarcio Cruz
08/07/2019, às 12:08

O Partido Social Democrata oficializou na manhã desta segunda (08/06) a filiação de duas lideranças importantes da cidade de Teresina. Renato Berger e Ananias Carvalho assinaram a ficha de filiação e se juntam a nomes como Cida Santiago e Antônio José Lira para as eleições de 2020. 

O ex-vereadores trazem ao PSD a experiência de décadas na Câmara Municipal e encorpam a chapa proporcional da legenda. Com critérios claros e fixando um teto de votação, o PSD espera atrair ainda mais nomes para ampliar a bancada do partido na Câmara. O ex-secretário Renato Berger minimizou polêmicas após deixar a base do prefeito e projetou a volta a Câmara. 

“Eu não tenho inimigos, não sou inimigo do Firmino, convivi com ele e disputamos várias eleições juntos. Pretendo voltar a ser vereador de Teresina, tenho certeza que contribuí muito com a cidade de Teresina, quero contribuir ainda mais. No partido que estava não via condições para isso, só por isso mudei de partido” explicou o secretário. 

Ananias Carvalho também se disse a disposição para ser um “soldado” do PSD. O presidente da sigla no Piauí, deputado federal Júlio César, valorizou a chegada dos ex-vereadores e projetou o próximo ano. 

“Nos sentimos orgulhosos de ver o nosso partido crescer, pelo nosso trabalho de resultado em favor dos municípios. Fizemos um amplo trabalho de captação de recursos por Teresina, nenhum deputado conseguiu mais recursos que nós através do novo cálculo do FPM. Vamos trabalhar para ter um PSD forte em 2020”, declarou o deputado Federal.

Ex-vereador Renato Berger na filiação ao PSD

nossas redes sociais