PSDB anuncia filiações com problemas para montar chapa em Teresina

Com nomes de votação expressiva o PSDB vê o prefeito Firmino Filho como um trunfo para tentar manter as cadeiras no parlamento

Por Tarcio Cruz
02/10/2019, às 17:04

Um ninho tucano apertado, assim os vereadores definem nos bastidores a chapa proporcional que está sendo construída pelo PSDB de Teresina. Em situação complicada para construir um grupo de candidatos para o próximo ano, o partido que é o maior da capital, revelou que nas próximas semanas realizará um ato de filiação de lideranças, a intenção é atrair um número maior de candidatos de captação para a legenda. 

Com nomes de votação expressiva como Venâncio Cardoso, Edson Melo, Samuel Silveira, Joninha e provavelmente Ítalo Barros, o PSDB vê o prefeito Firmino Filho como um trunfo para tentar estruturar a legenda e manter as cadeiras que possui hoje no parlamento. Presidente do diretório na capital, o vereador Edson Melo confirmou os atos de filiações e revelou que o partido quer aumentar o número de candidatos. 

“É uma estratégia que todos os partidos estão fazendo, temos o direito de angariar o maior número de candidatos e vamos preencher as 43 vagas traçando um cronograma de filiações partidárias. Resta observar que alguns vereadores com mandato só poderão chegar em março. Vamos fazer uns três eventos de filiação ao PSDB, com a meta de fazer seis vereadores. O prefeito é a liderança maior do partido e de Teresina, colocamos a ideia e ele define. Muitas vezes o convite pode partir do próprio prefeito para novos filiados”, finalizou o vereador.

Vereador de Teresina, Edson Melo

nossas redes sociais